VLI no Trainees na Prática, com Natalia Rocha

10 Sep 2015 Autor: Juliana Sarafana • Categoria: Prepare-se


A seção Trainees na prática entrevistou Natália Caixeta Rocha, trainee da VLI. Ela nos contou sobre o brilho nos olhos de todos os funcionários da empresa, fator que a atraiu durante o processo seletivo. A graduada em Engenharia Mecânica na Universidade Federal de Uberlândia também falou sobre a oportunidade de conhecer 10 unidades de negócio da empresa no Mochilão VLI e muito mais.

As inscrições para o Programa Trainee 2016 VLI estão abertas, para se inscrever, clique aqui.

_MG_0019

MyTrainee: Conte um pouco sobre sua trajetória acadêmica e profissional.

Natália: Comecei minha vida acadêmica em 2009, no curso de Engenharia Mecânica pela Universidade Federal de Uberlândia. Desde o primeiro ano de faculdade, eu busquei complementar minha carreira acadêmica participando de programas de iniciação científica, com publicações e participações em congressos. Em 2012, fiz um rápido intercâmbio na Nova Zelândia para desenvolver e praticar meu inglês. Logo ao retornar, consegui uma bolsa de estudos para fazer outro intercâmbio, dessa vez um intercâmbio de um ano na França, pelo programa BRAFITEC. Estudei na cidade de Besançon, na École Nationale Supérieure de Mécanique et des Microtechniques durante seis meses, com foco em Engenharia, Mecânica e Meio Ambiente. Ainda na França, realizei um estágio na empresa Altia (fabricante de componentes para a indústria automotiva) desenvolvendo um projeto de melhorias para seus produtos. Ao retornar ao Brasil, realizei mais um estágio pela empresa Neodent (fabricante de materiais dentários) em um projeto de caracterização dos produtos, e conclui minha formação em agosto de 2014.

 

MyTainee: Fale um pouco sobre o negócio da VLI e o que mais lhe atrai em trabalhar em uma empresa de logística.

Natália: A VLI é uma empresa com o compromisso de gerar valor ao negócio de seus clientes e parceiros, oferecendo soluções logísticas que integram ferrovias, portos e terminais. Esta é a nossa missão, e é o que nós praticamos a cada dia em busca de uma operação mais ágil, segura e eficiente, que possibilita ganhos em toda a cadeia produtiva e contribui para o crescimento dos clientes. A nossa visão é desafiadora e é o que nos impulsiona em busca de melhores resultados a cada dia: compartilhamos do sonho de transformar a logística do país! E é ver o brilho nos olhos de todos que estão juntos e determinados na busca deste sonho que me atraiu desde o primeiro contato com a empresa, e que explica a minha paixão de trabalhar na VLI.

 

MyTrainee: Qual foi a etapa mais desafiadora do processo seletivo? Por quê?

Natália: A etapa mais desafiadora de todo o processo seletivo é a entrevista com o presidente. Esta etapa mostra toda responsabilidade e comprometimento que é confiada ao trainee ao entrar na empresa. Afinal, a palavra final é a do presidente, nos repassando todos os valores da empresa e a real expectativa do trainee com todo o desenvolvimento que nos é destinado. Além disso, por ser a última etapa, reflete toda a ansiedade de estar finalmente a um passo de fazer parte da empresa e assumir o desafio! O segredo é manter a calma e ter autoconfiança para mostrar o porquê você deve entrar na empresa.

 

MyTrainee: Uma das principais características do processo Trainee da VLI é a oportunidade de iniciar uma pós-graduação logo ao ingressar na empresa. Como foi essa experiência?

Natália: A pós-graduação é uma oportunidade única! Tanto no curso de Engenharia Ferroviária quanto no de Logística Integrada, nós temos aulas ministradas por excelentes profissionais, tanto do mercado logístico quanto da VLI, que além de um grande conhecimento, nos repassam a vivência do dia-a-dia de cada área da empresa. A realização da pós-graduação antes da alocação em uma área específica nos dá um amplo conhecimento sobre todas as áreas, nos permitindo buscar mais as interfaces que podem ser importantes para o desenvolvimento de nossos projetos, com a visão sistêmica do negócio.

 

MyTrainee: A VLI possui negócios no Brasil todo, e os Trainees tem a oportunidade de conhece-los através do programa “Mochilão VLI”. Quantos lugares você visitou e qual mais te chamou a atenção?

Natália: No Mochilão VLI nós tivemos a oportunidade de conhecer 10 dos principais pontos de operação da VLI. Nós conhecemos de perto a operação e as estruturas de portos e terminais, conhecemos oficinas de vagões e locomotivas e toda a frota de ativos da empresa com as locomotivas mais modernas do mundo, e ainda tivemos a oportunidade de viajar de trem por alguns trechos Brasil afora.

Um dos que mais me chamou a atenção foi o TIPLAM, Terminal Integrador Portuário Luiz Antonio Mesquita, que realiza a descarga de enxofre, rocha fosfática, fertilizantes e amônia, e se encontra em fase de obras em um grande plano de expansão para operar também açúcar e soja. A ampliação do TIPLAM é gigantesca e faz parte do grande investimento de 9 bilhões da VLI até 2017. O mais impressionante foi ver o quanto as obras evoluíram em poucos meses desde a nossa visita durante o Mochilão, e estamos ansiosos para ver o resultado deste investimento!

 

MyTrainee: O objetivo da VLI é o de transformar a logística do Brasil. Como o trainee está inserido nesse cenário?

Natália: O objetivo do trainee é ser um protagonista na busca pelo objetivo maior, que é transformar a logística do Brasil, e como consequência crescer junto do país. O perfil do trainee, desde sua entrada, já está totalmente alinhado com a busca incessante por resultados e soluções logísticas para os nossos clientes. Além disso, todo o desenvolvimento do trainee no programa é focado na formação de novos líderes que tenham a atitude certa e visão empreendedora para vencer os desafios.

 

MyTrainee: A VLI possui muitas preocupações sobre a questão da sustentabilidade. Como essa preocupação está inserida nos projetos em que você faz parte?

Natália: A preocupação com o meio ambiente está no nosso dia-a-dia, sempre analisando os possíveis riscos de nossas operações e buscando a sustentabilidade em nossas ações. Na VLI, o nosso principal compromisso é com a segurança dos nossos empregados, da comunidade e do meio ambiente!

 

MyTrainee: Quais são as suas dicas para quem vai participar do processo seletivo de Trainee da VLI?

Natália: A primeira dica é praticar o autoconhecimento para avaliar se você se identifica com os valores da VLI e com o negócio da empresa. Você deve buscar o que te motiva a entrar para essa equipe e ter certeza que deseja fazer parte deste desafio. A vontade e a motivação de entrar neste negócio deve transparecer pelo brilho no olhar, e a autoconfiança é tudo durante as etapas para mostrar o porquê você deve ser escolhido.

 

Durante as etapas, o candidato é apresentado a vários profissionais da VLI, e a paixão com que eles nos apresentam a empresa é contagiante. Se você sentiu contagiado e determinado a fazer a diferença nesta missão, tenha certeza que seu lugar é aqui!

Para se inscrever, acesse.